GAL COSTA APRESENTA TURNÊ “A PELE DO FUTURO” NO PALÁCIO DE CRISTAL EM UBERLÂNDIA!

Palácio de Cristal irá receber uma das rainhas do MPB, Gal Costa, nesta quinta-feita, 5 de setembro a partir das 20h.

Por fontes oficiais, Gal figura entre as mais importantes vozes brasileiras de todos os tempos. E no mês em que completa 74 anos, traz a Uberlândia seu show “A Pele do Futuro”. Sem tirar o foco do presente, o repertório é simbolizado pelo toque contemporâneo da banda, Gal olhou pelo retrovisor ao seguir rota luminosa em roteiro que alocou 24 músicas em 20 números.

Antes da apresentação de Gal Costa, abrirão o show quatro músicos uberlandenses tocando o melhor do estilo bossa-jazz: Karine Telles, Edson Denizard, Fabiano Fonseca e Mauricio Winckler Perdomo, com um repertório em homenagem à música brasileira e à própria Gal. Durante o show dos quatro expoentes da cena uberlandense, o público será recebido em um espaço aconchegante, com mesas de seis lugares, todas com boa visibilidade para o palco. Além do rico repertório musical será servido ao público um repertório gastronômico onde serão servirão canapés e bebidas além das Ilhas de frios, queijos e salamarias que estarão dispostas no salão do Palácio de Cristal, assim como jantar, sobremesa e mesa de café. Gastronomia e show inclusos no valor da mesa.

Após o jantar, o belíssimo show “A Pele do Futuro”, com a cantora Gal Costa, no qual, além de revisitar sucessos de sua carreira, apresenta gravações inéditas em sua voz histórica.

Repertório Musical 

No show “A Pele do Futuro”, Gal extrai das marcas do passado um sentido contemporâneo que legitimou a súplica de Mamãe, coragem(Caetano Veloso e Torquarto Neto, 1968), revitaliza a velocidade atordoante d’As curvas da estrada de Santos (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1969),mesmo compositor que defende com maestria em Sua estupidez (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1969), aciona saudades com Motor (Teago Oliveira, 2013), traduz a ansiedade no samba-canção Volta (Lupicínio Rodrigues, 1957).  Também traz canções inéditas na voz da artista, comoO que é que há (Fábio Jr. e Sérgio Sá, 1982).

O espetáculo apresenta armas leves na trincheira da alegria, com Que pena (Ela já não gosta mais de mim) (Jorge Ben Jor, 1969), a leveza pop de Cuidando de longe (Marília Mendonça, Juliano Tchula, Junior Gomes e Vinicius Poeta, 2015) e se joga na pista da disco music em Sublime (Dani Black, 2018), seguida das espelhadas luzes cintilantes em Azul (Djavan, 1982 e Chuva de prata (Ed Wilson e Ronaldo Bastos, 1984). Por fim, a cantora bota o bloco na rua com Bloco do prazer (Moraes Moreira e Fausto Nilo, 1979), Balancê (João de Barro e Alberto Ribeiro, 1937), Massa real (Caetano Veloso, 1981) e Festa do interior (Moraes Moreira e Abel Silva, 1981).

As portas da casa serão abertas às 19h30. Para o dia, estão sendo vendidas mesas de seis lugares que podem ser adquiridas no site megabilheteria ou na Lynx Optica, na Avenida Getúlio Vargas, 1655, bairro Tabajaras. Caso precisem de ajuda para formar a mesa com seis pessoas, a produção do evento está ajudando. Basta entrar em contato pelo número (34) 9 9118-6224 e 9 9866-1727

Download Nulled WordPress Themes
Premium WordPress Themes Download
Download Premium WordPress Themes Free
Download Best WordPress Themes Free Download
free download udemy paid course
download lenevo firmware
Download WordPress Themes
free online course

Raquel Costa

Publicidade

Últimas postagens

Parceiros

Instagram